, ,


20 filmes que vão perturbar a sua mente

Sangue, violência e depravação são temas que aparecem constante na história da humanidade. A emoção de assistir gladiadores dilacerados em batalha já foi uma forma popular de recreação. Na verdade, durante os tempos de barbárie e homens das cavernas, a lei da terra era matar ou ser morto.

Dado o contexto de sua história, o mundo dos filmes perturbadores já percorreu um longo caminho. Ao longo de sua evolução, um pequeno punhado de obras têm atingido os limites de tal forma e de uma única forma que eles ocupam uma classe própria. Com isto em mente, o Cinetoscópio apresenta uma lista de 40 filmes que vão perturbar sua mente.


1. Moebius (Kim Ki Duk, 2013)

O provocador Kim Ki-duk volta com uma conturbada crônica familiar, uma mistura de thriller psicológico, comédia grotesca e uma perversa ode ao sadomasoquismo. Nesta metáfora sobre a obsessão contemporânea com a própria sexualidade, conduzida por personagens sem nomes e narrada sem auxílio de diálogos, o diretor coreano acompanha a briga entre um casal que, observado pelo filho adolescente, discute sobre a infidelidade do marido. O conflito se desdobra em uma cadeia de eventos violentos, culminando em um epilogo dramático de destruição.


2. Ken Park (Larry Clark, 2002)

A rotina de quatro adolescentes da cidade de Visalia, Califórnia. Shawn (James Bullard) é um skatista que transa com a namorada e com a mãe de sua namorada. Tate (James Ransone) gosta de se masturbar várias vezes seguidas e tem um cachorro de três pernas. Ele é criado pelos avós, que não respeitam a sua privacidade, o deixando furioso. Claude (Stephen Jasso) é agredido seguidamente pelo seu violento pai, um alcoólatra que o acusa de homossexualidade, e é consolado pela sua apática mãe grávida. Peaches (Tiffany Limos) anseia por liberdade, mas tem de cuidar de seu religioso pai, um cristão fundamentalista, que a espanca após vê-la transando. Embora conversem o tempo todo, cada um dos personagens não sabe dos problemas enfrentados pelos outros.


3. Visitor Q (Takashi Miike, 2001)

Visitor Q retrata, de forma bizarra, a crise da família burguesa no Japão. Kiyoshi Yamazaki, interpretado por Kenichi Endo, é um pai, de profissão jornalista, que busca realizar uma reportagem sobre violência e sexo no Japão. Ele começa tendo sexo com sua filha que é prostituta e filma seu filho sendo humilhado e agredido por colegas de escola. Por sua vez, em casa, seu filho agride a mãe, que é viciada em heroína e que se prostitui. A chegada de um estranho visitante, o “Visitor Q”, que acompanha os comportamentos bizarros, provoca mudanças no seio da família Yamazaki.


4. Mártires (Pascal Laugier, 2008)

Lucie uma garota de 10 anos, esteve desaparecida por um ano quando é finalmente encontrada numa estrada, louca e desorientada, sem conseguir contar o que aconteceu.
Seu corpo apesar de maltratado não tem indícios de violência sexual, então é levada a um hospital onde se afeiçoa a outra garota chamada Anna, que passa a cuidar dela e estreitar os laços de amizade para que supere a experiência traumática que viveu.

Comments

Leave a Reply
  1. A Serbian Film – Srđan Spasojević, 2010.

    Ele conta a história de um ator pornô que está no fim da carreira e que concorda em participar de um filme com muita “arte”, mas é levado a fazer cenas exploratórias com abuso infantil e necrofilia. O filme estrela os atores sérvios Srđan Todorović e Sergej Trifunović.[1] Sua apresentação é questionada em alguns países, entre eles, o Brasil, que proibiu, no dia 10 de agosto de 2011, a exibição do filme em todo o território nacional,[2] liberando-o em julho de 2012.[3] Países como a Suécia, Espanha e Finlândia também fizeram a proibição. Outros países, ainda, proíbem apenas a exibição de alguns trechos do filme, como na Austrália que censurou oito minutos do filme.

  2. Posted by Danniel Missoni on setembro 16th, 2015, 17:27 [Reply]
    A Serbian Film – Srđan Spasojević, 2010.

    Ele conta a história de um ator pornô que está no fim da carreira e que concorda em participar de um filme com muita “arte”, mas é levado a fazer cenas exploratórias com abuso infantil e necrofilia. O filme estrela os atores sérvios Srđan Todorović e Sergej Trifunović.[1] Sua apresentação é questionada em alguns países, entre eles, o Brasil, que proibiu, no dia 10 de agosto de 2011, a exibição do filme em todo o território nacional,[2] liberando-o em julho de 2012.[3] Países como a Suécia, Espanha e Finlândia também fizeram a proibição. Outros países, ainda, proíbem apenas a exibição de alguns trechos do filme, como na Austrália que censurou oito minutos do filme. Como se chama este filme? Obrigado, Humberto

  3. Almas Gêmeas, do mesmo diretor de senhor dos anéis se não me engano. O filme rendeu uma indicação à kate winslet ao Oscar, é baseado em fatos reais sobre duas amigas que desenvolvem uma amizade tão obsessiva ao ponto de cometer um assassinato.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Loading…

Loading…

Comments

comments