, ,


14 grandes filmes que vão mostrar a maldade na humanidade

14 grandes filmes que vão mostrar a maldade na humanidade

A representação do “mal” é estranhamente comum em todas as formas de arte. É um assunto bastante desagradável, mas as pessoas parecem estar sempre fascinadas por como é complicado explicar a maldade na natureza humana. É um conceito que tem sido analisada através de crenças religiosas, normas sociais e vários estados psicológicos. Parece que a origem do mal pode variar e é sempre um mistério intrigante para as pessoas.

Na literatura, cinema e outras formas de arte nos deparamos com muitas ilustrações de maldade em humanidade. Os seguintes filmes retratam todos os “mal” – em muitas maneiras diferentes. Curiosamente, as pessoas muitas vezes parecem identificar e simpatizar com alguns deles.


14. Miss Violência (Alexandros Avranas, 2013)

Aggeliki (Chloe Bolota) no seu aniversário de 11 anos se joga da varanda de casa com um sorriso no rosto. Sua família alega que não foi suicídio, mas sim um acidente e parece conformada com a morte da menina tentando, de todas as formas, continuar com suas vidas, perfeitamente organizadas. Em busca de respostas, promotores começam uma investigação para saber se foi, ou não suicídio e quais são os segredos obscuros que essa família, aparentemente perfeita guarda.

missviolence


13. Amar Foi Minha Ruína (John M. Stahl, 1945)

A bela Ellen Harland (Gene Tierney) é noiva do influente político Russell Quinton (Vincent Price). Mesmo assim, sente-se atraída pelo jovem Richard (Cornel Wilde) no momento em que o conhece e o seduz, para poucos dias depois casar-se com ele. Não demora muito e Richard descobre, a partir de relatos da irmã (Jeanne Crain) e da mãe (Mary Philips), que o egoísmo e o amor possessivo de Ellen arruinou a vida de outras pessoas. Indicado para quatro Oscars, levou a estatueta de melhor fotografia.

leave-her-to-heaven


12. Louca Obsessão (Rob Reiner, 1990)

Paul Sheldon (James Caan) é um escritor famoso que sofre um acidente de carro, sendo socorrido por uma enfermeira (Kathy Bates) que se autodenomina sua fã número um. Ela o leva para sua casa e passa a cuidá-lo. Mas, ao ler os originais do novo livro do escritor, percebe que sua personalidade predileta será morta, fazendo com que sua personalidade doentia se revele. Sem poder se locomover, Sheldon se vê à mercê das loucuras da “fã”.

Sem-Título-1-600x400


11. Psicopata Americano (Mary Harron, 2000)

Patrick Bateman (Christian Bale) é jovem, branco, bonito e sem nada que o diferencie de seus colegas de Wall Street. Protegido pela conformidade, privilégio e riqueza, Bateman é também um serial killer, que vaga livremente e sem receios em busca de uma nova vítima. Seus impulsos assassinos são abastecidos por um zeloso materialismo e uma inveja torturante quando ele encontra alguém que possui mais do que ele. Após um colega dar-lhe um cartão de visitas melhor que o seu em tinta e papel, a sede de sangue de Bateman surge e ele aumenta ainda mais suas atividades homicidas, tornando-se um perigoso e violento psicopata.

american-psycho-03

Comments

Leave a Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Loading…

Loading…

Comments

comments